O CRIME COMPENSA

       A Folha de S. Paulo, da família Frias, cometeu um crime jornalístico. Mais um. Passou para seus leitores a mentira de que 50% dos brasileiros querem a permanência de Temer, o usurpador, no poder. Foi desmascarada. O percentual mais próximo é de 19%. Da mesma forma, a família Frias engabelou seus leitores com a balela, essa mais descarada ainda, de que apenas 3% da população deseja eleições diretas como saída para a crise. Foi desmascarada de novo. Esse percentual chega a 62%. Ora vejam, de 3% para 62% é uma diferença estúpida, abissal, uma fraude gigantesca! Mas não nos surpreendamos com essa canalhice explícita. A Folha de S. Paulo foi uma das mais acintosas patrocinadoras do golpe e trabalha, agora, para que ele se consolide e o golpista Temer, sem um voto sequer, permaneça no poder, ainda que isso signifique estraçalhar a democracia e jogar no lixo a vontade de 54 milhões de eleitores. Escrúpulo nunca foi o forte do grupo Folha. Não nos esqueçamos de que, afinal, ele emprestava seus veículos para o transporte de torturadores e torturados no auge da repressão do golpe civil-militar de 1964, que enterrou nossos sonhos de democracia por 21 anos. O surpreendente, mesmo, é que com mais esse crime a família Frias continue fora da cadeia, valendo-se da liberdade de imprensa para sabotar a Nação.

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Email this to someonePrint this page