O FEITIÇO CONTRA O FEITICEIRO

O FEITIÇO CONTRA O FEITICEIRO

       O Brasil convive com três crises simultâneas. A primeira é a fabricada pelas manchetes da velha mídia. Se a situação econômica fosse o que elas mostram, já estaríamos todos nos confins do inferno. A segunda é a crise real, com retração da economia, que nem de longe se compara com tantas outras situações periclitantes por que o nosso País já passou. Para os mais antigos, basta fazer um esforço de memória. Para os mais jovens, basta mergulhar um pouco na História. A terceira é a crise da velha e cansada mídia. Essa, sim, é grave e muito maior do que a enfrentada pela economia brasileira, porque se trata de uma crise de descrédito, consequência da maioria das redações terem se transformado abertamente em comitês partidários representantes dos interesses da Casa Grande. Num mundo em que a circulação da informação já não depende de atravessadores e o sujeito tem plena voz nas redes sociais, só a arrogância dos barões da mídia explica essa autodestruição.

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Email this to someonePrint this page